Resenha do livro "A Vez da Minha Vida" de Cecelia Ahern - Editora Novo Conceito

Sinopse: 

Certo dia, quando Lucy Silchester volta do trabalho, há um envelope de ouro no tapete. E um convite dentro dele para se encontrar com a Vida. Sua vida. Pode soar peculiar, mas Lucy leu sobre isso em uma revista. 

De qualquer forma, ela não pode ir ao encontro: está muito ocupada desprezando seu emprego, fugindo de seus amigos e evitando sua família. Mas a vida de Lucy não é o que parece. Algumas das escolhas que fez — e histórias que contou — também não são o que parecem. Desde o momento em que ela conhece o homem que se apresenta como sua vida, suas meias-verdades são reveladas totalmente — a não ser que ela aprenda a dizer a verdade sobre o que realmente importa.

Lucy Silchester tem um compromisso com sua vida — e ela terá de cumpri-lo.





Autores: Cecelia Ahern
ISBN: 9788581630120
Selo: NOVO CONCEITO 
Ano: 2012
Edição: 1
Número de páginas: 384
Área Principal: FICÇÃO
Assuntos: ROMANCE




E se você tivesse a oportunidade de se encontrar com a sua vida? Parece loucura, mas não é. Em "A vez da minha Vida", Lucy Silchester, a protagonista é quem narra a história. Com seus 29 anos, anda muito acomodada com o rumo que sua vida vai levando. Ela mora sozinha em um apartamento pequeno e bagunçado, tem a companhia de seu gato hermafrodita, o Sr. Pan, tem um carro "caindo aos pedaços", trabalha como tradutora de manuais em uma empresa da qual não gosta, foi abondonada há três anos atrás pelo namorado Blake, não costuma se encontrar muito com seus amigos e sua família e quando se encontra nunca fica até o final, pois sempre inventa uma desculpa para poder ir embora, enfim, sua vida andava de mal a pior.

Desde que foi largada por Blake, Lucy não conseguia dar mais atenção para a sua vida, vivia desmotivada em relação a tudo ao seu redor. Começou a mentir para todos, pois para ela não importava como uma história era contada se o resultado seria o mesmo. Suas mentiras acabavam se tornando uma verdadeira "bola de neve", porém Lucy não tinha coragem de começar a dizer verdades para as pessoas, afinal sabia que não deveria mudar o que já estava feito. Mentiu sobre o fim do seu namoro para seus amigos e família, dizendo que foi ela que terminou o namoro. Mentiu no trabalho para sua chefe e colegas dizendo que sabia falar espanhol. Lucy vivia em seu mundo repleto de mentiras fingindo que era uma mulher feliz.

No início do livro, ela recebe uma carta da Agência Vida convocando-a para um encontro com sua vida. Lucy tenta de todos os modos fugir dessa reunião, não achava que isso era necessário, porém recebe várias cartas e graças a insistência, ela vai conhecer finalmente sua vida que na verdade é um homem. 

"Minha vida precisava de mim. Ela estava passando por um momento difícil e eu não estava prestando atenção suficiente nela. Tinha tirado os olhos da bola, me ocupei com outras coisas: vida de amigos, questões do trabalho, meu carro se deteriorando e sempre quebrando, esse tipo de coisa. Havia completa e totalmente ignorado minha vida. E agora ela tinha escrito para mim, me convocando, e havia apenas uma coisa a fazer. Tinha que me encontrar com ela, cara a cara." (página 8)

Ao conhece-lo, Lucy tem uma enorme surpresa, o homem que é sua vida não tem uma aparência muito agradável, pois ele tem cara de acabado, se veste mal e tem o cabelo desgrenhado.

"- Isso não é As patricinhas de Beverly Hills, Lucy, não sou um projeto. Você não pode passar um dia polindo minhas unhas e fazendo permanente em meu cabelo e tudo ficará bem e maravilhoso.
- Que tal uma depilação completa?
- Você é nojenta e tenho vergonha de ser sua vida." (página 137)

No decorrer da leitura, Vida acaba acompanhando a moça durante 24h por dia, no trabalho, em casa, junto com os amigos e família. Apelidado por Lucy, Vida ganha o nome de Cosmos para se apresentar diante das pessoas. Logo de início Vida faz um pacto com Lucy, a cada mentira contada por ela, Vida revelaria uma verdade em público, desse modo foi gradativamente transformando Lucy em uma nova pessoa. Durante esse processo, acontecem diversas situações hilárias envolvendo esses dois, além de momentos mais reflexivos, pois fazer com que alguém acomodado e desesperançoso se apaixone novamente por sua vida não é uma tarefa muito fácil. 

"Ele é como o Pinky e eu, o Cérebro - disse. - Ou sou o pé quebrado e ele é o raio X. - Tentei explicar, mas fiquei confusa. - Ele é o nariz e eu sou o Pinóquio - disse e sorri: o último eu tinha explicado direito." (página 164)

Lucy também encontra pelo seu caminho novas pessoas que a fazem analisar sua vida de maneira diferente. Faz amizade com uma vizinha que esta com sérios problemas psicológicos. Liga para um número errado e acaba conhecendo Don, um homem misterioso com quem troca sms durante um tempo. Tenta se aproximar mais de seus amigos e família. Tudo isso, aos poucos e com a ajuda de Vida, vai fazendo Lucy enxergar que precisa dar valor as pessoas que a amam de verdade , além de dar valor a sua própria vida e não deixa-la de lado.

" Vida era como um tio bêbado em um casamento ruim, tentando dançar como John Travolta em uma mistura bizarra de Pulp Fiction com "Stayin' Alive", mas estava feliz e me fez sorrir. Então, fiz um pouco de Uma Thurman e dancei com Vida como se ninguém estivesse vendo, até que éramos os últimos na pista e os últimos a sair. Ele era persuasivo: a vida tem um jeito de conseguir o que quer quando realmente sabe o que quer." (página 170)

"- Lucy, você está correndo o risco de seguir, totalmente, na contramão. Não quero que se torce uma mulher egoísta, que fica sentada o dia todo falando de si mesma com sua vida. Você precisa encontrar um equilíbrio. Cuidar de você, mas cuidar das pessoas que se preocupam com você também. " (páginas 190 e 191)

O livro é belo e apaixonante, uma leitura simples e agradável para qualquer idade. Soa como um auto-ajuda, mas na verdade é um romance muito bem escrito por Cecelia Ahern. No início, principalmente nos primeiros capítulos, a história não empolga muito, mas com o desenrolar da leitura, acabei me envolvendo e simpatizando com a personagem principal e a sua busca, mesmo que resistente, por uma mudança em sua vida. Tanto, Lucy como Vida, são personagens fantásticos e engraçados também. Dei boas risadas com essa dupla. 

Para quem é fã de Cecilia Ahern e amou o livro "Ps. Eu te Amo" assim como eu, pode ter certeza que "A vez da minha vida" será mais um livro da autora que não irá sair da sua estante. São dois livros com histórias distintas, por isso prefiro não comparar um do outro, pois os dois são muito bons e não consigo achar qual deles é o melhor, cada um é especial e faz muito bem tanto aos olhos e como ao coração. Se "A vez da minha vida" fosse retratado para a telinha dos cinemas com certeza faria bastante sucesso como fez "Ps. Eu Te Amo".  Agora estou na expectativa para ler o " O Livro do Amanhã" da mesma autora.

Recomendo a leitura principalmente para as pessoas que estão precisando cuidar do seu bem mais precioso e único, que é a sua vida.

"Desisti da minha vida por um tempo, mas o que aprendi é que, mesmo quando isso acontece, e especialmente quando isso acontece, a vida nunca, jamais, desiste de você. A minha não desistiu. E nós estaremos ali, um pelo outro, até os momentos finais, quando vamos nos olhar e dizer: "Obrigado por ter ficado até o fim!" (página 383)








    Irene
Irene Moreira  é uma mulher que gosta do que faz bem a alma. Amante da comunicação, da arte de ensinar precisa transbordar seus sentimentos, conhecer pessoas, passear por lugares diferentes. Uma forma que a completa é ler e  escrever interagindo com esse mundo virtual. Aprecia uma boa leitura, mas é apaixonada por romances e suspenses.Conhecida na blogosfera como a M@myrene .

 e-mail  #   facebook   #  twitter  #  skoob


12 comentários

  1. Oi,Irene!
    Eu também adorei esse livro da Cecelia Ahern,as capas são bonitas e criativas.
    Li o livro P.S Eu te Amo,depois de ver o filme.
    Pela sua resenha parece ser interessante,nossa ter um encontro com a Vida e ter a possibilidade de fazer uma retrospectiva da vida?
    Lucy tinha uma vida normal,mas depois de receber uma carta enigmática da Vida com certeza ela ficou confusa
    Interessante a parte "e se Vc tivesse a oportunidade de se encontrar com a sua vida",porque várias pessoas passam por momentos como este de Lucy.
    Livros assim contribuem para momentos agradáveis e com reflexões sobre nossas vidas também

    ResponderExcluir
  2. Fiz um comentário enorme que não foi... Que internet Jesus!!! Enfim, adorei a resenha Irene, como sempre sensível, amei as citações que você fez ao livro, fazem com que a gente, mesmo tendo um pé atrás com a Cecelia o/) queira ler o livro.

    ResponderExcluir
  3. Que resenha linda. Eu tinha encontrado só sinopses até agora, mas já imaginava ser um livro para se pensar, assim como a história do PS Eu te amo (apesar de não ter lido, o filme deixa isso claro). Cecelia escreve histórias cheias de sensibilidade e carinho.

    ResponderExcluir
  4. já vi dezenas de resenhas deste livro, e pelo o que eu me lembre, nenhuma foi negativa.
    tenho muita vontade de ler PS Eu te amo, mas este não. não sei explicar o porque, mas a história não me atrai muito :S
    quem sabe um dia o livro caia nas minhas mãos, eu acabe lendo, e gostando... mas agora no momento não tenho vontade nem curiosidade :S

    ResponderExcluir
  5. Ainda não li esse livro, mas em breve o farei.
    Tantas resenhas positivas, só aumentam a curiosidade, ;)

    ResponderExcluir
  6. Adorei a resenha, parece ser muito legal, não tinha visto ainda nenhuma resenha sobre ele.

    ResponderExcluir
  7. Comprei esse livro essa semana, só estou esperando chegar para lê-lo. Adorei a resenha e ela só aumento a minha vontade de que o livro chegue logo para eu começar essa leitura!!

    ResponderExcluir
  8. Ganhei esse livro mas ainda não o li. Como tenho outros para ler, ele está aguardando sua vez. Gostei muito da resenha e dos comentários e isso só está fazendo eu desejar passar o livro para a frente dos outros.

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Nossa! Parece ser um livro muito bom!
    Ainda não li nada da autora. Mas fiquei muito interessada neste.
    Parece ser uma estória encantadora, engraçada e com um belo romance.
    Fiquei com vontade de ler!
    Bjos.

    ResponderExcluir
  11. Amei a resenha, parabéns!
    Esse livro me deixa curiosa pela leitura...apesar de eu não ter lido nada dessa autora ainda!

    ResponderExcluir
  12. a historia é bem interresante, quero muito ler esse livro

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita!
Seu comentário é muito bem vindo!
Volte sempre !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...